PrimeWork (Ano VII)

Liderança, Atitude, Desafios, Ações e Conquistas para o Empreendedor Moderno

  • About

    O Mundo todo celebra uma grande capacidade humana de empreender.

    Do mesmo modo que é vibrante, a estrada do empreendedor é repleta de obstáculos. Quer para abrir ou fazer crescer um negócio próprio, quer para avançar propositivamente dentro de uma corporação.

    Nesse sentido este blog busca preencher com informações, entrevistas e cases de sucesso pessoal e corporativo as muitas lacunas que se abrem quando surge o tema da iniciativa pessoal dos negócios.

    Esperamos que este blog, possa de alguma forma contribuir para o crescimento dos empreendedores.

    Haroldo Wittitz, Editor and Publisher

    The whole world celebrates a great human capacity to undertake.

    Similarly that is vibrant, the way to entrepreneurship is fraught with obstacles. Want to open or grow a business, want to move forward with proposals within a corporation.

    In this sense seeks to fill this blog with information, interviews and success stories of the many personal and corporate loopholes that open when the subject arises from the personal initiative of business.

    We hope this blog, can somehow contribute to the growth of entrepreneurs.

  • Enter your email address to follow this blog and receive notifications of new posts by email.

  • Tópicos recentes

  • Agenda

    dezembro 2012
    D S T Q Q S S
    « nov   jan »
     1
    2345678
    9101112131415
    16171819202122
    23242526272829
    3031  

Antissociais

Posted by HWBlog em 21/12/2012

Executivo SeniorOs executivos e alto desempenho não têm tempo sobrando; passam muitas horas em reuniões ou gerindo suas empresas. Nem pensam em fazer parte do mundo das redes sociais.

“É preocupante: os CEOs das grandes companhias são virtualmente invisíveis em redes como Facebook ou Twitter”, diz Josh James, fundador e CEO da Domo, empresa especializada em negócios inteligentes.

Em parceria com a Ceo.com, James realizou uma pesquisa entre os diretores-executivos que figuram na Fortune 500 sobre seus hábitos nas redes sociais. E o resultado foi surpreendente:

70% dos líderes das principais organizações norte-americanas não estão registrados no Facebook, no Twitter, no LinkedIn, no Pinterest ou no Google Plus, enquanto metade da população dos Estados Unidos participa ativamente dessas redes.

Apenas 7,6% dos CEOs presentes na Fortune 500 têm perfil no Facebook e só 4% deles abriram uma conta no Twitter. De outro lado, 26% dos líderes estão registrados no LinkedIn, rede que pouco seduz o público: somente 20,15% dos norte-americanos.

“Esperávamos maior participação, levando em conta que o Facebook, o Twitter e o LinkedIn são parte da vida de muitas empresas e espaço em que a maioria delas se relaciona com seus clientes.

Os líderes que utilizam as redes sociais estão contribuindo para o crescimento de seus negócios, atraindo clientes e gerando exposição para suas marcas. Na medida em que os consumidores tornam-se mais ligados ao mundo digital, os CEOs deveriam acompanhar essa tendência”, escreveu James recentemente em um blog da Forbes

O fato é que o mundo mudou, e, se os CEOs não começarem a falar por si, outros falarão por eles, como já acontece com dezenas de contas falsas em nome de personalidades famosas, incluindo CEOs das empresas da Fortune 500.

– Josh James

Antisocial

Executives and high performance do not have time to spare, spend many hours in meetings or managing their businesses. Nor do they think of the world of social networking.

“It is worrying: the CEOs of large companies are virtually invisible on networks like Facebook or Twitter,” said Josh James, founder and CEO of Domo, a company specializing in business intelligence.

In partnership with Ceo.com, James conducted a survey among CEOs in the Fortune 500 listed on their social networking habits. And the result was surprising:

70% of leaders of major U.S. organizations are not registered on Facebook, on Twitter, on LinkedIn, on Pinterest or Google Plus, while half of the U.S. population actively participates in these networks.

Only 7.6% of Fortune 500 CEOs are present in the Facebook profile and only 4% of them opened a Twitter account. On the other hand, 26% of leaders are registered on LinkedIn, network little seduces the audience: only 20.15% of Americans.

“We expected more participation, taking into account that Facebook, Twitter and LinkedIn are part of life for many companies in that space and most of them relate to their customers.

Leaders who use social networks are contributing to the growth of their business, attracting customers and generating exposure for their brands. Insofar as consumers become more connected to the digital world, CEOs should follow this trend, “James wrote recently in a Forbes blog

The fact is that the world has changed, and if CEOs do not begin to speak for themselves, others will speak for them, as already happens with dozens of fake accounts in the name of famous personalities, including CEOs of Fortune 500 companies.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: