PrimeWork (Ano IX)

Liderança, Atitude, Desafios, Ações e Conquistas para o Empreendedor Moderno

  • About

    O Mundo todo celebra uma grande capacidade humana de empreender.

    Do mesmo modo que é vibrante, a estrada do empreendedor é repleta de obstáculos. Quer para abrir ou fazer crescer um negócio próprio, quer para avançar propositivamente dentro de uma corporação.

    Nesse sentido este blog busca preencher com informações, entrevistas e cases de sucesso pessoal e corporativo as muitas lacunas que se abrem quando surge o tema da iniciativa pessoal dos negócios.

    Esperamos que este blog, possa de alguma forma contribuir para o crescimento dos empreendedores.

    Haroldo Wittitz, Editor and Publisher

    The whole world celebrates a great human capacity to undertake.

    Similarly that is vibrant, the way to entrepreneurship is fraught with obstacles. Want to open or grow a business, want to move forward with proposals within a corporation.

    In this sense seeks to fill this blog with information, interviews and success stories of the many personal and corporate loopholes that open when the subject arises from the personal initiative of business.

    We hope this blog, can somehow contribute to the growth of entrepreneurs.

  • Enter your email address to follow this blog and receive notifications of new posts by email.

  • Posts recentes

  • Agenda

    novembro 2012
    D S T Q Q S S
     123
    45678910
    11121314151617
    18192021222324
    252627282930  

Archive for 1 de novembro de 2012

Saber falar é importante, mas saber ouvir é fundamental !

Posted by HWBlog em 01/11/2012

Saber falar é importante, mas saber ouvir é fundamental !

Procurando encontramos diversos cursos para aprimorar a habilidade de “falar”. Como Falar em Público, Como falar com Desenvoltura, Como Falar para um Público Hostíl são alguns dos temas disponíveis. Entendo que falar bem é muito importante e que essa habilidade deve sempre ser aprimorada, mas e quanto a ensinar a ouvir? Entendo que se saber falar é importante, saber ouvir é fundamental para nosso cotidiano corporativo.

Para que possamos realmente ouvir o que o outro tem a dizer temos que ter a capacidade de nos despir das pré-suposições que nos fazem imaginar que já sabemos o que será dito e que por isso já podemos formar nosso juízo de valor sobre o assunto. Além disso, temos que nos dispor a parar, limpar a mente, e ouvir com atenção. Isso significa se afastar do computador, para evitar a tentação de ler um “e-mailzinho”, ignorar o telefone e as interferências externas. Entendo que o grande vilão do ato de ouvir com atenção são as interrupções fruto do que foi comentado anteriormente, ou seja, estar suscetível as interferências externas e pré supondo o que será dito.

Quando o ouvinte de um diálogo esta exposto a essas interferências é inevitável que ele perca a atenção ao interlocutor e com isso ele perde também a capacidade de ouvir o que não é dito, ou seja, ouvir o que o corpo, o comportamento e a postura dizem. As vezes o que não é dito e mais importante do que o que é dito.

É importante também lembrarmos que as interrupções tem um efeito negativo dobrado no processo de comunicação. Além de agir sobre o ato de ouvir elas agem também sobre o de falar. Isso porque as tais interrupções desmontam a linha de raciocínio, a sequência de argumentos e a estrutura de convencimento criada por quem esta expondo um assunto ou uma tese. Dessa maneira as interrupções prejudicam quem esta falando e inviabilizam ainda mais o ouvir com atenção e qualidade.

Outro problema gerado pelas tais interrupções é que elas alongam a conversa e retardam a resolução de assuntos que poderiam ser resolvidos mais rapidamente. Isso deve-se ao fato de que uma interrupção coloca mais tempo na conversa e ao fato de que as interrupções mudam o foco da conversa levando-o para assuntos para os quais as partes nem sempre estão preparadas.

Dentro desse contexto, ouvir com qualidade é consequência de um conjunto de práticas e não apenas sentar na frente de alguém e dizer: pode falar que estou disponível.

Fábio Jorge Celeguim, CFO at Grupo Flytour

Speaking is important, but listening is key!

Looking find various courses to enhance the ability to “talk”. How Public Speaking, How to Talk to Resourcefulness, How to Talk to a hostile audience are some of the themes available. I understand that speaking well is very important and that this skill should always be improved, but what about teaching listening? I understand that it is important to know how to speak, how to listen is fundamental to our everyday corporate.

So we can actually hear what the other has to say that we have the ability to undress in the pre-suppositions that make us think we already know what will be said and so we can form our judgment on the matter. Moreover, we have to have to stop, clear your mind, and listen carefully. This means moving away from the computer, to avoid the temptation to read an “e-mail”, ignore the phone and external interference. I understand that the villain of the act of listening carefully interruptions are the result of what was previously mentioned, ie, be susceptible to external interference and pre guessing what will be said.

When the listener is exposed to a dialogue such interference is inevitable that he will lose the attention to the speaker and with that he also loses the ability to hear what is not said, or listen to the body, behavior and posture say . Sometimes what is not said and more important than what is said.

It is also important to remember that interruptions have a negative effect doubled in the communication process. Besides acting on the act of listening they also act on talking. This is because such interruptions disassemble the line of reasoning, the sequence and structure of arguments to convince those created by exposing this an issue or a thesis. Thus interruptions affect who is talking even more and make it impossible to listen carefully and quality.

Another problem caused by such interruptions is that they lengthen the conversation and delay resolution of issues that could be resolved soon. This is due to the fact that an interruption puts more time in conversation and the fact that interruptions change the focus of the discussion leading to the matters for which the parties are not always prepared.

Within this context, listening quality is the result of a set of practices and not just sit in front of someone and say, I’m available to speak.

Posted in Comportamento, Comunicação | Leave a Comment »