PrimeWork (Ano VII)

Liderança, Atitude, Desafios, Ações e Conquistas para o Empreendedor Moderno

  • About

    O Mundo todo celebra uma grande capacidade humana de empreender.

    Do mesmo modo que é vibrante, a estrada do empreendedor é repleta de obstáculos. Quer para abrir ou fazer crescer um negócio próprio, quer para avançar propositivamente dentro de uma corporação.

    Nesse sentido este blog busca preencher com informações, entrevistas e cases de sucesso pessoal e corporativo as muitas lacunas que se abrem quando surge o tema da iniciativa pessoal dos negócios.

    Esperamos que este blog, possa de alguma forma contribuir para o crescimento dos empreendedores.

    Haroldo Wittitz, Editor and Publisher

    The whole world celebrates a great human capacity to undertake.

    Similarly that is vibrant, the way to entrepreneurship is fraught with obstacles. Want to open or grow a business, want to move forward with proposals within a corporation.

    In this sense seeks to fill this blog with information, interviews and success stories of the many personal and corporate loopholes that open when the subject arises from the personal initiative of business.

    We hope this blog, can somehow contribute to the growth of entrepreneurs.

  • Enter your email address to follow this blog and receive notifications of new posts by email.

  • Tópicos recentes

  • Agenda

    março 2012
    D S T Q Q S S
    « fev   abr »
     123
    45678910
    11121314151617
    18192021222324
    25262728293031

Um exemplo para os executivos

Posted by HWBlog em 09/03/2012

Acompanhamos nestas últimas semanas sem grandes furos jornalísticos, a aposentadoria do goleiro Marcos, ídolo do Palmeiras e pentacampeão mundial com a seleção em 2002. Sem grandes pompas e com seu discurso direto e muitas vezes simplório, o ídolo alviverde pendurou definitivamente as luvas. Apesar da repercussão do futebol, poucos jogadores atingem tamanha identidade com os torcedores.

Como apreciador moderado, listo alguns atletas tais como Rogério Ceni, Dinamite, Zico e Pelé, cujos nomes se associam diretamente aos times com os quais atuam ou atuaram. Com a maior movimentação entre equipes, jogadores trocam de camisa diversas vezes, priorizando sua imagem, carreira e ganhos aos clubes que atuam.

Situação similar ocorre no mundo corporativo, tornando-se cada vez mais difícil encontrar pessoas que tenham dedicado sua vida a uma só empresa, seja pela maior oferta ou competitividade do mercado, o qual exige colaboradores cada vez mais bem preparados. Com base na história de Marcos e na nova realidade corporativa, classifiquei em quatro tipos os profissionais, assim como o legado deixado nas empresas.

O eterno: assim como o goleiro, são pessoas que marcaram a história da corporação, seja pela posição na qual atuaram, legado ou lealdade. Homenagens póstumas, tais como fotos em galerias, nomes em prédios, salas de reuniões, produtos, serviços, métodos e processos com seus nomes, são alguns exemplos. Preste atenção e procure saber um pouco sobre a biografia dos eternos em sua empresa. Talvez possam servir como fonte de motivação e inspiração.

O bem-lembrado: nem tão famosos quanto os anteriores, são lembrados enquanto permanecerem pessoas com as quais tenha trabalhado, seja dentro ou fora da empresa, tais como clientes e fornecedores.  É comum ter seu nome citado em situações ou momentos de dificuldade, nos quais, sua presença e ação poderiam fazer a diferença. Muitas vezes, mantém contato com os ex-colegas e parceiros, não sendo raro retornarem a organização.

O não lembrado: diferentemente dos anteriores, sua ausência não é sentida nem no curto ou médio prazo. Seja pelo pouco tempo que permaneceram na cadeira ou ausência de resultados, são praticamente esquecidos pelas pessoas e organizações. As frases mais comuns são: quem ou não me lembro. Vale salientar que um profissional assim como um jogador, poderá estar em mais de uma categoria durante sua carreira.

O nem me fale: comum na política, no congresso e ultimamente na Esplanada dos Ministérios, é citado por fatos ou atitudes não memoráveis, tais como resultados muito abaixo do esperado, falta de ética ou confusões de qualquer espécie. Em geral demitidos por justa causa, acabam se tornando lembrados pelo que não deveriam ter feito. Até por esta razão seu nome quando citado, é feito em voz baixa.

Enfim, sugiro que faça uma análise de sua carreira, avaliando as empresas pelas quais passou, assim como a imagem deixada. Tornar-se eterno é fato para poucos, ocorrendo em geral apenas uma vez na vida. Ser bem lembrado deve ser o seu grande objetivo, apesar dos escorregões da vida profissional.

Uma dica praticamente infalível é ser um profissional raro:  cultivar relacionamentos, ter atitude positiva, trazer resultados e é claro, aproveitar e estar preparado para as oportunidades. Quanto à categoria “nem me fale”, é melhor nem comentar.

Haroldo Wittitz, Author, Editor and Publisher

An example for executives
We follow these weeks without any major scoops, the retirement of goalie Mark, and five-time champion Palmeiras idol world with the selection in 2002. No great pomp and with his direct speech and often simplistic, the idol alviverde definitely hung the gloves. Despite the impact of football, few players reach such identity with the fans.
As a moderate lover, I list some athletes such as Rogerio Ceni, Dynamite, Zico and Pele, whose names are associated directly with the teams which act or acted. With the greater movement between teams, players swap shirts several times, emphasizing his image, career and won the clubs that work.
A similar situation occurs in the corporate world, becoming increasingly difficult to find people who have dedicated their lives to a single company, is the highest bidder or market competitiveness, which requires employees increasingly well prepared. Based on the history of Mark and the new corporate reality, I have classified into four types professionals, as well as in the legacy companies.
The eternal, just as the goalkeeper, are people who marked the history of the corporation, is the position in which it acted, bequest, or loyalty. Posthumous tributes, such as photo galleries, names on buildings, meeting rooms, products, services, methods and processes with their names, are examples. Watch and find out a little about the biography of the eternal in his company. Maybe they can serve as a source of motivation and inspiration.
The well-remembered: not as famous as the former, are remembered while in people with whom you have worked, either inside or outside the company such as customers and suppliers. It is common to have his name mentioned in situations or difficult moments, in which his presence and action could make a difference. Often, maintains contact with former colleagues and partners, it is not uncommon to return the organization.
Failure to remember: unlike the previous, his absence is felt even in the short or medium term. Be the short time that remained in the chair or lack of results, are almost forgotten by people and organizations. The most common phrases are: who or do not remember. It is noteworthy that a professional as soon as a player, you may be in more than one category during his career.
The do not tell me: common in politics, Congress and ultimately the Ministries, is quoted by facts or attitudes are not memorable, such as results far below expectations, lack of ethics or conflicts of any kind. In general fired for cause, they become remembered for what should not have done. So for this reason his name when he said, is done quietly.
Anyway, I suggest you do an analysis of his career evaluating companies through which it passed, and the image left. Becoming eternal is true for a few, usually occurring only once in life. Being remembered and should be your ultimate goal, despite slipping from work.
A tip is virtually foolproof often be a professional: build relationships, have positive attitude, and of course bring results, and be prepared to seize opportunities. The category “not tell me” it is better not to comment.­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: