PrimeWork (Ano VII)

Liderança, Atitude, Desafios, Ações e Conquistas para o Empreendedor Moderno

  • About

    O Mundo todo celebra uma grande capacidade humana de empreender.

    Do mesmo modo que é vibrante, a estrada do empreendedor é repleta de obstáculos. Quer para abrir ou fazer crescer um negócio próprio, quer para avançar propositivamente dentro de uma corporação.

    Nesse sentido este blog busca preencher com informações, entrevistas e cases de sucesso pessoal e corporativo as muitas lacunas que se abrem quando surge o tema da iniciativa pessoal dos negócios.

    Esperamos que este blog, possa de alguma forma contribuir para o crescimento dos empreendedores.

    Haroldo Wittitz, Editor and Publisher

    The whole world celebrates a great human capacity to undertake.

    Similarly that is vibrant, the way to entrepreneurship is fraught with obstacles. Want to open or grow a business, want to move forward with proposals within a corporation.

    In this sense seeks to fill this blog with information, interviews and success stories of the many personal and corporate loopholes that open when the subject arises from the personal initiative of business.

    We hope this blog, can somehow contribute to the growth of entrepreneurs.

  • Enter your email address to follow this blog and receive notifications of new posts by email.

  • Tópicos recentes

  • Agenda

    janeiro 2011
    D S T Q Q S S
    « dez   fev »
     1
    2345678
    9101112131415
    16171819202122
    23242526272829
    3031  

Sentimento de culpa ajuda a formar bons gestores

Posted by HWBlog em 24/01/2011

Estudo indica que, quanto mais propenso à culpa, mais responsável e mais empenhado é o profissional

Pessoas culpadas têm um maior senso de responsabilidade, segundo pesquisa
Apesar de quase sempre ser relacionada a sentimentos ruins, a culpa pode render bons frutos nos negócios. Pelo menos é isso que indica uma pesquisa feita na escola de negócios da Universidade de Stanford, nos Estados Unidos. Divulgada recentemente pela Harvard Business Review, ela mostra que as pessoas mais propensas ao sentimento de culpa são, em geral, vistas como melhores gestoras e rendem mais no trabalho que as outras.

O estudo foi feito com mais de 150 trabalhadores da área de finanças de uma empresa da Fortune 500, que leram uma série de situações em que deveriam dizer como se sentiriam, caso fizessem algo de errado, como despejar vinho no carpete da casa de um amigo. Depois das respostas, os autores relacionaram o resultado às performances dos profissionais na empresa e perceberam que a palavra “culpa” era entendida por eles como a sensação de ter falhado em algum ponto, de ter feito algo errado e até de não ter feito o que era preciso.

Partindo daí, os estudiosos perceberam que a propensão à culpa está fortemente ligada à noção de responsabilidade, o que faz com que as pessoas se façam cobranças e se sintam culpadas com mais intensidade. Em geral, elas também trabalham mais duro e se dedicam bem mais ao trabalho que aquelas que não possuem esse tipo de preocupação. Esse comprometimento com o trabalho e a empresa faz com que pessoas propensas à culpa aceitem demissões com mais facilidade e, ao mesmo tempo, tenham mais coragem de demitir um funcionário em nome do “dever cumprido” em relação ao empregador.

O reconhecimento também vem da culpa. Segundo uma pesquisa complementar feita com 200 estudantes do curso de MBA da Stanford, os profissionais mais “culpados” são vistos como os melhores líderes pelos colegas de trabalho, uma vez que se destacam por seu senso de responsabilidade exacerbado. Mas os estudiosos chamam a atenção para o fato de que provocar a culpa nos funcionários para conseguir melhores resultados e líderes mais empenhados pode ser uma faca de dois gumes. Apesar da eficácia da culpa sobre o trabalho de algumas pessoas, induzir esse sentimento pode gerar ressentimento, caso o profissional perceba.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: